Comunicação com os módulos especiais CLP Master-K 200

Os módulos de E/S especiais da família K200 possuem uma memória interna com uma lista das funções de programação e ajuste do módulo. Esta memória deve ser lida ou escrita para que o módulo funcione da forma desejada. A leitura é feita pela instrução GET e a escrita pela instrução PUT, ambas exigem contatos de condicionamento, no exemplo, usamos o flag F0010.

Exemplo:

imag125.jpg

Para escrever em uma memória de um cartão utilizamos a instrução PUT.

imag126.jpg

Para que uma instrução GET opere corretamente devemos parametrizar o módulo para que ele funcione da forma desejada, esta parametrização é feita por instruções PUT.
Cada módulo possui uma lista de endereços chamada Buffer Memory, a listagem está na documentação que acompanha o módulo.
Memória do módulo analógico G6F-AD2A
Endereço decimalNomeDescrição
0
Habilitação dos 4 canais(4 bits)Bit On(1): canal habilitado
Bit Off(0): canal desabilitado
1
Especificação da faixa de saídaBit On(1): -2048 ~ 2047
Bit Off(0): -48 ~ 4047
2
Ajuste da amostragemBit On(1): média das amostragens ajustadas
Bit Off(0): saída direta a cada amostragem
3
Média do n° de amostragens Ch02~255
4
Média do n° de amostragens Ch12~255
5
Média do n° de amostragens Ch22~255
6
Média do n° de amostragens Ch32~255
7
Habilita dadosHabilita uma nova configuração nas memórias 0~6
8
Valor da saída digital do Ch 0Valor final da conversão A/D do Ch 0
9
Valor da saída digital do Ch 1Valor final da conversão A/D do Ch 1
10
Valor da saída digital do Ch 2Valor final da conversão A/D do Ch 2
11
Valor da saída digital do Ch 3Valor final da conversão A/D do Ch 3
12
Status dos 4 canais(4 bits)Bit On(1): operando OK Bit Off(0): desabilitado
13
Código de erro Ch0Mostra o código de erro do Ch0
14
Código de erro Ch1Mostra o código de erro do Ch1
15
Código de erro Ch2Mostra o código de erro do Ch2
16
Código de erro Ch3Mostra o código de erro do Ch3


Para que possamos ler os canais de um módulo de entrada analógico G6F-AD2A devemos programar 3 instruções, conforme o exemplo abaixo.
No endereço 0 do buffer do módulo devemos habilitar os bits dos canais que queremos ler, no exemplo colocamos 15 (0000 0000 0000 1111) para habilitar os 4 canais e no endereço 7 colocamos 1 para fazer o modulo aceitar uma nova configuração.

imag127.jpg

Devemos também declarar a posição de cada módulo no bastidor(slot) em Parameter > I/O

imag128.jpg



Elaborado por Walter Bruno Bernardo (automacao@tecnolog.ind.br) em 04/01/2010